segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Refúgio(amigos)

" E quando chorar
Tristeza pra lavar

Num ombro cai metade do sufoco " Tiago Iorc

Quem nunca se sentiu feliz, tão feliz que foi correndo compartilhar com aquele amigo a sua felicidade? E logo mais de um sorriso surgiu?
Quem nunca sentiu-se também sem rumo e com medo? 
Momentos em que um colo, um ombro amigo se tornam únicos e  muita das vezes o seu único refúgio. O silenciar para te escultar e a palavra amiga logo em seguida são o conforto.
E como é bom encontrar-se no abraço certo, aquele que é verdadeiro e se encaixa perfeitamente, onde cai metade do seu sufoco....
Meus amigos são poucos, mas especiais. 



Ps: Os que levo aqui dentro e que com certeza mantém as melhores histórias.





Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Copyright © Pensamentos inusitados | Traduzido Por: Mais Template

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes